The Christmas Survival Guide to Príncipe Real

A pequena superfície

Mercearia da Rua da Rosa

Quem acha que esta zona está mal servida de supermercados nunca foi à mercearia da Rua da Rosa.

É mais do Príncipe Real do que do Bairro Alto, e é um negócio familiar gerido por duas simpáticas irmãs. As contas fazem-se a caneta e papel, e as manas vendem de tudo – e atenção que isto não é uma hipérbole. Manjericão? Sim. Parmesão? Sim. Batata doce? Aipo? Funcho? Obviamente. Requeijão? “Quer de vaca ou de ovelha, menina?” Bacalhau congelado já demolhado? “Espere um minuto…” Num ápice uma das simpáticas irmãs desloca-se ao armazém para reaparecer como Aladino a segurar um dos nossos três desejos.

É então que cai a ficha. E torna-se claro como água que nas traseiras da Mercearia da Rua da Rosa existe, não um armazém, não um anexo, mas uma grande superfície. E é um Continente.